“O poder só é efetivado enquanto a palavra e o ato não se divorciam, quando as palavras não são vazias e os atos não são brutais, quando as palavras não são empregadas para velar intenções, mas para revelar realidades, e os atos não são usados para violar e destruir, mas para criar relações e novas realidades.” (ARENDT, Hannah Condição Humana, 2007, p. 212)

Novo presidente da OAB-PB é empossado em sessão solene


Paulo Maia e nova diretoria participaram de posse solene em João Pessoa.
'Vamos ser parceiros da sociedade', afirmou o presidente em discurso.

Do G1 PB
O novo presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba, Paulo Maia tomou posse durante uma sessão solene na sexta-feira (15), em João Pessoa. Além de presidente, a nova diretoria, o conselho estadual e a diretoria da Caixa de Assistência dos Advogados (CAA-PB) foram solenemente empossados para o triênio 2016/2018. Os Conselheiros Federais serão empossados no dia primeiro de fevereiro de 2016 na sede da OAB Nacional em Brasília (DF).

A nova diretoria da OAB-PB é composta pelos advogados: Paulo Maia (Presidente), Raoni Lacerda Vita (vice-presidente), Francisco de Assis Almeida e Silva (secretário geral), Rogério da Silva Cabral (secretário geral adjunto) e Tainá de Freitas (tesoureira). A transmissão de cargo do ex-presidente Odon Bezerra para Paulo Maia aconteceu no dia primeiro deste mês, no gabinete da presidência da OAB-PB.
No seu discurso, Paulo Maia destacou os principais desafios de sua gestão será tornar a OAB-PB independente para o exercício da advocacia, alavancar as atividades da Escola Superior da Advocacia (ESA), defender de forma intransigente o Exame de Ordem, as prerrogativas, honorários dignos, sem esquecer as questões sociais que afligem a sociedade.

“Vamos ser parceiros da sociedade. Vamos defender a Constituição, a ordem jurídica do Estado democrático de direito, os direitos humanos, a justiça social, e pugnar pela boa aplicação das leis, pela rápida administração da justiça e pelo aperfeiçoamento da cultura e das instituições jurídicas, como determina o artigo 44 do Estatuto da Advocacia”, afirmou.

O presidente reeleito da Caixa de Assistência dos Advogados, Carlos Fábio Ismael, também discursou e destacou que a partir de agora a OAB-PB está unida. “Aqui não existe divisão. A OAB é unida, vamos estar todos juntos. Paulo Maia pode contar conosco em tudo que precisar. Vamos procurar o Judiciário e solicitar celeridade. Advogados não tenham medo porque nesta gestão as prerrogativas serão respeitadas”, sustentou.

Por sua vez, o vice-presidente e futuro presidente da OAB Nacional, Cláudio Lamachia, lembrou da importância do advogado para o funcionamento da Justiça e transformação social. Ele também garantiu que na sua gestão a OAB vai continuar defendendo de forma intransigente as conquistas obtidas nos últimos anos, como férias para advogados, honorários dignos, prerrogativas, o simples e presença em inquéritos policias.
 “Acima de tudo vamos continuar lutando por um país mais justo. Temos que dizer a sociedade que, se o advogado não falhou com o Brasil no passado, não falha no presente, não falará no futuro”, declarou. Uma homenagem póstuma foi feita ao advogado Rodolfo Toscano de Britto, aos 33 anos, que foi eleito conselheiro estadual, mas morreu três dias após a eleição, em decorrência de um infarto. A mãe, a esposa e a filha de Rodolfo receberam seu diploma.

A solenidade foi bastante prestigiada com a presença, além de todos os diretores, integrantes da CAA e membros dos conselhos Estadual e Federal, de vários advogados, políticos, autoridades, a exemplo do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), do presidente do Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5), Rogério Fialho; do presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino (PSB), deputado federal Manoel Júnior (PMDB); e o procurador geral do Estado, Gilberto Carneiro, que representou o governador Ricardo Coutinho (PSB).

Também participaram da solenidade, além do vice-presidente e futuro presidente da OAB Nacional, Cláudio Lamachia, o presidente da OAB de Pernambuco, Ronnie Duarte; o defensor público geral do Pernambuco, Manoel Jerônimo; o presidente da OAB do Rio Grande do Norte, Paulo Coutinho; o ex-presidente da OAB de Minas Gerais e futuro vice-presidente da OAB Nacional, Luis Cláudio Chaves; o presidente da OAB do Espirito Santo, Homero Mafre; o presidente da OAB da Bahia, Luis Viana; e o presidente da OAB do Maranhão, Tiago Dias.

saiba mais




http://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2016/01/novo-presidente-da-oab-pb-e-empossado-em-sessao-solene.html

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dano moral indireto: quem pode pedir reparação por morte ou por ofensa a um ente querido?

Ministro Barroso nega ação sobre regulamentação do artigo 142 da Constituição

FIGURA PÚBLICA Luciano Hang pode continuar a exibir mensagens em aviões contra Lula