“O poder só é efetivado enquanto a palavra e o ato não se divorciam, quando as palavras não são vazias e os atos não são brutais, quando as palavras não são empregadas para velar intenções, mas para revelar realidades, e os atos não são usados para violar e destruir, mas para criar relações e novas realidades.” (ARENDT, Hannah Condição Humana, 2007, p. 212)

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Sindicato dos Servidores de Princesa Isabel vai pedir intervenção contra o prefeito Dominguinhos



Advogado aponta que gestor tucano descumpre seguidamente ordens judiciais

O assessor jurídico do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Princesa Isabel (SINSEMUPI), Rivaldo Rodrigues, informou nesta segunda-feira (18) que vai entrar nas próximas horas com um pedido na Promotoria de Justiça da Comarca de Princesa Isabel, para que o Ministério Público (MP) ingresse com ação de intervenção contra o prefeito Dominguinhos (PSDB).

Segundo Rivaldo, “a ação do MP será fundamentada sob argumento de que o prefeito tucano está descumprindo há meses decisão judicial que determina o pagamento dos servidores da Educação municipal até o dia 10 posterior ao mês trabalhado, violando o Artigo 35, Inciso IV, da Constituição Federal, combinado com o 15, Inciso IV, da Constituição do Estado da Paraíba”.
Ele explicou que,” caso o MP acate o pedido do sindicato, a propositura da ação de intervenção será feita pelo órgão na esfera do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), onde deve ser julgada pelo Pleno da Corte”.
“Caso o TJPB julgue procedente o pedido, o presidente da Corte vai requisitar ao governador da Paraíba que decrete a intervenção, nomeando um interventor a fim de que ele cumpra a decisão judicial que está sendo ignorada pelo prefeito Dominguinhos”, frisou.
Por outro lado, o advogado da entidade lembrou que “o gestor também vem descumprindo ordem judicial decretada pelo TJPB para pagamento de precatórios – o que justifica ainda mais a medida de intervenção”.

Blog José Duarte Lima

Nenhum comentário:

Postar um comentário