“O poder só é efetivado enquanto a palavra e o ato não se divorciam, quando as palavras não são vazias e os atos não são brutais, quando as palavras não são empregadas para velar intenções, mas para revelar realidades, e os atos não são usados para violar e destruir, mas para criar relações e novas realidades.” (ARENDT, Hannah Condição Humana, 2007, p. 212)

Presidente do Tribunal de Justiça dá posse a 27 novos juízes de Direito

A solenidade de posse transcorreu na Sala de Sessões do Pleno do Tribunal

Pres. Cavalcanti deu posse aos novos juízes
Comarcas do Sertão e Cariri paraibano receberão em breve 27 magistrados que foram empossados na tarde desta segunda-feira (19), pelo presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba, desembargador Marcos Cavalcanti de Albuquerque. Eles foram aprovados no 53º concurso para juiz substituto do Estado da Paraíba. A solenidade ocorreu no Tribunal Pleno do TJPB, ocasião em que prestaram compromisso de posse e receberam a beca e a insígnia.

Ao falar aos empossados, o presidente lembrou a própria posse como juiz, há 33 anos. Repetiu alguns conselhos ouvidos na época, acerca da função da judicatura e alertou para aspectos atuais que devem ser observados: “Entrem em exercício e deem conta dos deveres. A tônica atual de todos os magistrados é a conciliação e a mediação. A celeridade é nossa responsabilidade”, declarou o gestor do Judiciário da Paraíba.
Presidente da Comissão do Concurso que selecionou os recém-magistrados, o juiz Antônio Carneiro de Paiva Júnior falou sobre o orgulho de ter participado de todas as fases do certame e poder atestar “a lisura dos trabalhos da seleção e a capacidade intelectual, moral e ética dos candidatos que hoje assumem a magistratura”.
O magistrado destacou ainda que, ao todo, 73 candidatos foram selecionados no concurso. “O Tribunal tem à disposição um número considerável de juízes aprovados em concurso público, aptos a assumirem os cargos, que necessário pela Administração”, afirmou.
Em tom de aconselhamento, o presidente da Associação dos Magistrados da Paraíba (AMPB), juiz Horácio Ferreira de Melo Júnior, parabenizou os novos juízes integrantes do quadro do Judiciário paraibano. “Exerçam suas atividade com independência. Busquem a produtividade, a eficiência e a efetividade de suas decisões, baseados na ética, generosidade e tolerância. Tenham ao final de cada dia de trabalho, a satisfação do dever cumprido”, disse.
Coube ao primeiro colocado no concurso, o agora juiz Luiz Gonzaga Pereira de Melo Filho, falar em nome de todos os empossados, ocasião em que lembrou as dificuldades do concurso e ressaltou o nível intelectual de toda a turma. “Honra-me ter a responsabilidade de representar uma turma seleta de aprovados neste concurso. Os desafios são enormes. A sociedade deposita no Poder Judiciário muita confiança. Temos esta confiança e a expectativa de atender à demanda a contento”, disse.
Após a posse, os novos juízes passarão por um curso de formação, previsto para começar no dia 10 de outubro do corrente ano, na Escola Superior da Magistratura (ESMA), localizada no Complexo Judiciário do Altiplano, em João Pessoa.
Comarcas beneficiadas – Os magistrados vão assumir unidades nas comarcas de Barra de Santa Rosa, Boqueirão, Pocinhos, Serra Branca, Sumé, Água Branca, Coremas, juazeirinho, Malta, Piancó, Princesa isabel, Santana dos garrotes, Taperoá, Itaporanga, Brejo do Cruz, Catolé do Rocha, Paulista, São Bento, Uiraúna, Bonito de Santa Fé, Cajazeiras, Conceição, São João do Rio do Peixe, São José de Piranhas e Araçagi.
Por Gabriela Parente

http://www.tjpb.jus.br/presidente-do-tribunal-de-justica-da-posse-a-27-novos-juizes-de-direito/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dano moral indireto: quem pode pedir reparação por morte ou por ofensa a um ente querido?

Ministro Barroso nega ação sobre regulamentação do artigo 142 da Constituição

FIGURA PÚBLICA Luciano Hang pode continuar a exibir mensagens em aviões contra Lula