“O poder só é efetivado enquanto a palavra e o ato não se divorciam, quando as palavras não são vazias e os atos não são brutais, quando as palavras não são empregadas para velar intenções, mas para revelar realidades, e os atos não são usados para violar e destruir, mas para criar relações e novas realidades.” (ARENDT, Hannah Condição Humana, 2007, p. 212)

Presidente do Fla confirma bloqueio de verba, mas espera contornar situação



Mandatário rubro-negro diz que o problema salarial afeta apenas os jogadores. Clube está sem receber o patrocínio da Caixa Econômica há dois meses por dívida de Kleber Leite


Devo, não nego, pago quando puder. Este provérbio retrata bem a forma que a atual diretoria do Flamengo vem encarando o momento delicado pelo qual o clube atravessa. A razão é o bloqueio da verba da Caixa Econômica, pela dívida de R$ 80 milhões, referente aos anos 1990, na gestão do então presidente Kleber Leite, e inscrita no Banco Central.

Mesmo com as dificuldades, o presidente Eduardo Bandeira de Mello afirma estar tentando, de todas as maneiras, reverter o bloqueio do patrocínio máster do clube para o pagamento das dívidas e deixar em dia os salários do elenco.
– Estamos tentando contornar isso e tenho certeza que conseguiremos. A questão de dívida para nós é simples. Se nós, efetivamente, devemos, nós vamos pagar. Então, como qualquer dívida, nós apuramos o que devemos, alguma coisa pode ser questionada na Justiça, e a Justiça existe para isso. Vamos pagar com sacrifício, como estamos pagando as atuais. E isso não vai impedir a manutenção da política de responsabilidade do Flamengo. Não foi por causa desse contratempo momentâneo que deixamos de pagar os impostos e os parcelamentos que já fizemos –
explicou Bandeira de Mello.
De acordo com o presidente rubro-negro, o problema salarial afeta apenas os jogadores, e não os demais funcionários do clube, mas garantiu que cumprirá com as obrigações com os atletas o quanto antes:
– O salário dos funcionários está em dia. Já com os jogadores há uma pendência pequena, que nós resolveremos assim que resolvermos essa questão do pagamento da Caixa Econômica e do Banco Central.
Lancenet

http://www.wscom.com.br/esportes/futebol/PRESIDENTE+DO+FLA+CONFIRMA+BLOQUEIO-172090

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dano moral indireto: quem pode pedir reparação por morte ou por ofensa a um ente querido?

Jurisprudência molda os limites para concessão do sursis processual

Ministro Barroso nega ação sobre regulamentação do artigo 142 da Constituição